quarta-feira, 9 de outubro de 2013

Doc Mix - O Rock de Brasília



Na década de 80 Brasília ficou conhecida como a capital do rock. A cena cultural brasileira estava mudando de figura; jovens armados de guitarras procuravam novos sons e falavam de liberdade com letras diretas e brutas. Com o intuito de homenagear e mostrar às novas gerações a importância daquela década para o cenário musical do país, o “Doc Mix – Brasília” aborda a trajetória do fruto dos ideais revolucionários difundidos na Universidade de Brasília e da chegada dos primeiros discos de punk rock ao Brasil, mostra o surgimento das bandas embrionárias do estilo (Aborto Elétrico, Blitz 64 e Plebe Rude), o sucesso da Legião Urbana, do Capital Inicial e da Plebe Rude e a história dos grupos formados a partir da década de 90 (Raimundos, Maskavo Roots e Rumbora).  

O “Doc Mix” também traz depoimentos de Dado Villa Lobos (Legião Urbana), Fe Lemos (Capital Inicial), Dinho Ouro Preto (Capital Inicial), Alf (Rumbora), Philippe Seabra (Plebe Rude), Digão e Canisso (Raimundos), Paulo Marchetti (autor do livro “O Diário da Turma de 1976 – 1986 História do Rock de Brasília”) e do produtor Carlos Eduardo Miranda. Ao falar sobre a época que Brasília marcou de rock o Brasil, Fê Lemos diz: “A irreverência e a coragem do rock de Brasília foi e é exemplo, até hoje, para o rock e para a música no Brasil”. Quando o assunto é a inspiração que a cidade traz aos músicos, Dado Villa Lobos fala: “Com certeza se você viver em Brasília, vai fazer música diferente.”








Nenhum comentário:

Postar um comentário