sexta-feira, 24 de maio de 2013

Livro: "A Ira de Nasi"

Capa do livro -  Divulgação


Dias de luta nessa vida passageira

Cento e vinte horas foi o tempo que eu levei para ler a biografia do cantor Nasi, ex-vocalista do grupo Ira!. Histórias emocionantes, outras tristes. Tudo explícito. Acredite! Nasi é autêntico. Sempre foi. A obra foi escrita por Mauro Beting e Alexandre Petillo, que deram sentido a tudo que Marcos Valadão, o Nasi vivenciou na sua vida e carreira artística. 

Parte desta jornada, no começo da formação do Ira (ainda sem exclamação), eu vivi e constatei. Meu irmão tocou no grupo pouco mais de dois anos (de 1982 a 1984). A banda ensaiava na minha casa. Eu larguei minha pré-adolescência para acompanhar para sempre a banda que marcou minha vida.

Entre tantas passagens na vida do Nasi, o destaque fica para os conflitos entre banda, drogas, amores, solidão e perseguições. O melhor de tudo é que o livro aborda os fatos e exibe a verdade. Nada é fictício.

Sumariamente, a mensagem que fica, é que ele venceu todas as batalhas que a vida lhe confrontou. O final do livro surpreende, dando origem ao recomeço. Que bom! Pensa que é fácil ser artista no Brasil? Ser roqueiro na terra da banana, é difícil. Tente você, pra ver.


"Vou me encontrar  
Não vou mais sofrer nas mãos dos outros  
Vou me encontrar  
Nunca vou deixar de ser eu mesmo  
Vou me encontrar"  
(Nasi e Gaspa)



Livro: A ira de Nasi
Autores: Mauro Beting e Alexandre Petillo
Editora: Belas Letras
Ano: 2012

Nenhum comentário:

Postar um comentário